NEWS.




21.dez.15


E tem sido assim desde que saiu de Campo Grande: ele ganhou o mundo. Em única apresentação, o público da Capital poderá conferir o ritmo de Ratier na noite de natal, na festa Jingle Bells.

Durante premiação Cool Award 2015A Cool Awards promoveu no último dia 6 de dezembro em São Paulo, a 14ª edição, premiando personalidades da moda, entretenimento e publicidade em 31 categorias. Renato Ratier levou pra casa três troféus: melhor DJ, melhor Club Underground D-Edge (SP), e melhor super club Warung (SC). Mas essa foi apenas uma das conquistas nestes últimos anos.

Considerado o rei das pistas brasileiras, Renato nasceu em São Paulo e aos quatro anos de idade mudou-se para Campo Grande, onde a família atua no agronegócio. O gosto pela discotecagem começou na década de 90. Porém, sempre inquieto, produziu também zines, confecção de roupas e até programas de rádio que fomentaram a cultura local de house e techno na Cidade Morena.

O pulo do gato começou mesmo no ano 2000, com a criação de um clube de primeiro mundo na Capital. Ratier apostou suas fichas no D-Edge, local com design inovador e iluminação impecável, assinado pelo arquiteto, designer e artista visual Muti Randolph, um dos principais parceiros da sua carreira. Com programação de alta qualidade que marcou toda uma geração, foram cinco anos que inspiraram e revelaram DJs talentosos do cenário regional, como Jay C, Renato Tulux e Bruna Moura.

Após abrir o clube em terras pantaneiras ele resolveu apostar na Paulicéia Desvairada em 2003 e desde então tem sido sucesso. Do seu começo, época em que o clube ajudou a difundir o house com pegada underground para o público da noite paulistana, até hoje, quando serve de carimbo de selo qualidade e plataforma para diversos DJs se lançarem, a história do D-Edge é entrelaçada com a do seu criador, o magnight Renato Ratier.

Renato Ratier_-spfwContudo, o sentimento se estende para outros empreendimentos de Ratier, que também tem participação no Warung, em Itajaí. E o resultado não poderia ser outro: ambas as casas, D-Edge e Warung estão entre os dez melhores clubes do mundo, segundo a Billboard. Mas ele não para por aqui. Esse ano fez estreia de uma marca de roupas que leva seu nome na badalada SPFW Inverno 2016, e recentemente, abriu o Bossa, restaurante de culinária brasileira com toques modernos nos Jardins. Tudo que ele toca vira ouro. 2015 definitivamente foi um ano excepcional para ele.

Prêmios recebidos por Renato Ratier e seus respectivos clubes:

– DJ Mag Inglesa • D.EDGE é o 9º no Top 100 de clubs do mundo;

– Cool Awards • D.EDGE é eleito pela 9ª vez consecutiva melhor club underground e Renato Ratier eleito o melhor DJ do Brasil 3 vezes consecutivas;

– Guia da Folha • 1º lugar nas categorias melhor club, melhores noites da cena eletrônica com Freak Chic e Moving, melhor DJ internacional;

– DJ Mag Espanha • Capa da edição de setembro.

– Fez estreia da sua marca de roupas Ratier, durante a SPFW – Inverno 2016

Para quem ainda não teve oportunidade de vê-lo tocar ainda há tempo de ouvi-lo em 2015. Ele é atração principal da festa de natal, Jingle Bells, a partir das 23h59, no Spasso Park. O line-up da noite ainda incluem os DJs Ferrari, André X, Deejay Jay C e André Garde. (Com Assessoria)

Veja a matéria completa: http://jnediario.com.br/2015/12/21/renato-ratier-e-eleito-melhor-dj-do-brasil-pelo-3a-ano/



VER TODAS NOTÍCIAS